Série ‘Once upon a time’ propõe consumo midiático do passado

[Publicações do MidiAto]

1375854_479325272174996_1435781124_n
Sessão do Comunicon, na ESPM de São Paulo

A ficcção norte-americana foi tema de trabalho apresentado por Fernanda Elouise Budag no Comunicon (Congresso Internacional Comunicação e Consumo), promovido pela ESPM de São Paulo em outubro. O artigo estuda a narrativa da série “Once upon a time” , enxergada aqui uma verdadeira proposta de consumo simbólico e midiático do passado.

“O programa insere em sua trama elementos de contos clássicos. Ou seja, faz uso de inúmeras referências que compõem o imaginário universal de contos de fada, ao mesmo tempo em que mescla essas referências introduzindo novas relações entre os contos originais, e ainda propõe uma transposição para o contexto real e atual”, afirma Budag.

“Once Upon a Time” é  analisada pela pesquisadora sob a perspectiva das conexões entre comunicação, consumo e memória, dialogando também com os estudos da linguagem, com foco na problematização das conexões textuais/discursivas operadas pela série, que ressignificam as narrativas com as quais conversa, ou melhor, atribuem novos sentidos à própria memória.

Referências:
BUDAG, Fernanda Elouise. “Era uma vez: Once Upon a Time como uma retrospectiva televisual de contos de fada”. In Comunicon. Outubro de 2013.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s