Juliana Doretto publica em dossiê sobre jovem e consumo midiático

A doutoranda da Universidade Nova de Lisboa e investigadora do MidiAto Juliana Doretto é autora, em parceria com sua orientadora, Cristina Ponte, de um dos artigos da nova edição da revista “Contemporanea”, publicada pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas da Universidade Federal da Bahia.

O trabalho “Brasil e Portugal: infâncias contemporâneas e suas culturas digitais” faz parte do Dossiê Temático Jovens e Consumo Midiático, com textos de Nilda Jacks e Vera França, entre outros. O texto de Doretto e Ponte cruza dados quantitativos de pesquisas nacionais de Brasil e Portugal e parte com uma reflexão sobre o consumo midiático presente no filme “Boyhood”, cujo trailer vem abaixo:

Na apresentação, a revista diz que “o fechamento do dossiê fica por conta do texto de Juliana Doretto e Cristina Ponte sobre as particularidades e similaridades entre culturas digitais de meninos e meninas de Brasil e Portugal. Algumas questões instigantes aparecem na pesquisa como a individualização dos media, as condições de uso e sobretudo, o sub-aproveitamento dos dispositivos tecnológicos por parte desta geração digital que os utiliza predominantemente para comunicação e entretenimento, pouco investindo na apropriação dos aparelhos para manifestação de ideias. As autoras finalizam com uma indagação que convoca o leitor a refletir: Por que elas [crianças] criam pouco conteúdo original [na internet]?”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s