Rosana Soares discute telejornalismo em seminário da PUC-Minas

Rosana apresenta seu trabalho no seminário
Rosana apresenta seu trabalho no seminário

Rosana Soares, professora da ECA/USP e uma das líderes do MidiAto, participou do seminário “Polarizações”, realizado pelo grupo Mídia e Narrativa, da  PUC-Minas, em Belo Horizonte, nos últimos dias 3, 4 e 5 de novembro.

Com a apresentação “Embates audiovisuais: o reposicionamento do repórter diante da câmera”, Rosana participou da mesa. “Polarizações do jornalismo”.

Leia abaixo o resumo do trabalho

Os recentes confrontos políticos presentes na sociedade brasileira alertam-nos para a permanência de estruturas coloniais de dominação e estigmatização. Revestidos de um apelo “democrático”, tais discursos revelaram, uma vez mais, os arcaísmos e as disputas entre classes intrínsecos ao país, despertando ideologias e hegemonias antes camufladas no tecido social.

Interessam-nos as diversas manifestações midiáticas desse processo, notadamente em reportagens jornalísticas de formato híbrido apresentadas no programa Profissão Repórter (Rede Globo) e em vídeos produzidos pela TV Folha. A análise privilegia o lugar e o papel do repórter na construção de um ponto de vista discursivo ao se dirigir a seus entrevistados, mobilizando diferentes posicionamentos para a constituição da relação eu-outro em reportagens televisivas, intercambiando papéis narrativos e estabelecendo novos protagonismos em reportagens audiovisuais. Ao demonstrar que os repórteres também estão sujeitos às noticias, imprimindo nelas suas vivências sociais e culturais, os programas constroem este lugar subjetivo como espaço legítimo de ordenação do discurso jornalístico.

Enquanto discurso, o formato proposto assume para si uma perspectiva polifônica, articulando diversas vozes em suas narrativas e mobilizando de modo dinâmico os que produzem as reportagens e aqueles que a elas assistem. Ao fazê-lo, as reportagens estabelecem espaços de visibilidade/invisibilidade e formas hegemônicas de construção da representação dos sujeitos nelas envolvidos, constituindo um terreno fértil para a problematização da questão proposta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s